sábado, 22 de Março de 2014

RICOS E POBRES


Frequento o Blogue Sine Die, que é um blogue de magistrados, onde, para lá de um pensamento meramente corporativo sobre a Justiça, se exercita um pensamento autónomo sobre a sociedade portuguesa. Gosto particularmente de ler (e aconselho-os aos leitores) os textos de Artur Costa e Eduardo Maia Costa. Não resisto a transcrever, aqui, a nota curta de EMC, intitulada "Os ricos é que estão a pagar a crise... Ora, leiam: 

Os ricos é que estão a pagar a crise...

"Quem o diz é o PM. Os ricos pagaram mais do dobro dos pobres, isto é, dos de "menos posses", porque pobres não há em Portugal. Não se compreendem as queixas de trabalhadores, reformados, funcionários, classes médias, desempregados, etc. Porquê tanto protesto se são privilegiados nos sacrifícios? Razão para vir para a rua têm os ricos, e manifestamente só por distração (têm muito dinheiro para contar), falta de treino ou "know-how" (nunca participaram nem sabem como se organiza uma manifestação) ou educação (manifestar-se é uma coisa imprópria de gente elegante) é que ainda não vimos banqueiros, grandes empresários e outros grandes sacrificados tentar subir as escadas da AR empurrando os polícias..."

Sem comentários:

Enviar um comentário